Refletindo

Penso, logo penso e penso muito. É tanto pensamento, tantas análises, tantas reflexões que é preciso transbordar e eu transbordo em palavras. Esse é aquele espaço onde você poderá encontrar respostas, novos questionamentos, similaridades ou simplesmente algo que te diga nas entrelinhas: você merece ser feliz!

Conflito no Cáucaso – Visão Russa

Mais uma vez me sinto indignada com a inocência e com a arrogância do Ocidente em relação ao conflito entre Geórgia e Rússia.

Não tenho dúvida. Nenhuma das duas é santa e as duas partes tem interesses em possuir a região da Ossétia do Sul, mas os civis da Ossétia do Sul lutam por muito tempo para fazer parte da Rússia, pois se sentem Russos (90% da populacão é Russa). Mas é lógico que o governo da Geórgia não quer perder o poder sobre uma região estratégica, possuidora de um duto de petróleo e um bom solo para cultivo.

Quem começou os ataques foi a Geórgia e não a Russia. E quando a Rússia entrou na briga foi, a princípio, para defender civis que estavam sendo mortos sem motivos na Ossétia do Sul, onde moram muitos Russos de verdade e não Georgianos.

Mas, assim como no Iraque, a midia divulga que a Rússia está ameaçando a paz mundial e que ela sim é perigosa.

Isso é ridículo! Alguém fez todo esse auê na disputa por Kosovo??? Não. Simplesmente porque a Sérbia não é uma potência e nunca será. Alguém fica divulgando como o fim do mundo todos os conflitos que matam milhares de civis na África??? Não. Até porque tanto europa, quanto Rússia e EUA não tem interesse nenhum que estes acabem, pois eles lucram muito com as matanças lá, uma vez que são eles que fornecem munição e enquanto eles se matam, o mundo compra suas riquezas a preco de banana.

Recebi um email de uma colega Russa, com quem dividi o quarto em Malta por um mês. Ela relatou exatamente o que escrevi sobre a situação lá e disse estar com medo, pois ela sente que estão sendo mais hostilizados no exterior do que até então. Ela disse saber que a Rússia tem também interesses e por isso está tão empenhada em fomentar e incentivar o processo de independência da Ossétia do Sul, mas que qualquer país no mundo, se tivesse a mesma oportunidade, o faria, afinal vivemos num mundo lucrativo e a solidariedade se tornou apenas uma desculpa nos jogos políticos.

A Geórgia tem o apoio dos EUA e, um gasoduto ligando a Rússia à Europa, o que faz do conflito uma herança da Guerra Fria trazendo a tona o que está realmente em jogo: a disputa de controle do Cáucaso entre Moscou e Washington.

Não estou aqui defendendo a Rússia, mas não me conformo com as notícias que leio e escuto aqui diariamente. Todos colocam a Rússia como o bicho-papão, só porque a Geórgia é um país pequeno e indefeso. Mentira!!!! A Geórgia tem o apoio dos EUA e da EU e dúvido que ela começou os bombardeios antes de ter assinado um lucrativo contrato com estes! Estou cansada de ver esses caras brincando de marionetes com países desestruturados por conflitos civis internos. Só que ao contrário do Iraque, a Rússia é uma grande potência militar e uma potência que tem um relacionamento muito forte com a China, por isso se eu fosse esses devoradores de hamburguer eu ficava atento, pois eles podem perder e muito apoiando e fornecendo armas para a Geórgia. Se os EUA perderem os negócios com a China, dizem especialistas, eles podem quebrar. E então ficaremos com China e Rússia pra dominar o mundo!

Afff… estamos sem saída… Ó céus, ó vida!!!! )))-:

Olha a cronologia do conflito atual (que é sequência dos conflitos da época da Guerra Fria):

Atual conflito

2004 – Eleito como presidente da Geórgia Mikheil Saakashvili, que declara a possibilidade de dialogar e conceder autonomia à Ossétia do Sul, contanto que a região continuasse como integrante do Estado da Geórgia.

2007 – Ossétia organiza referendo extra-oficial e as autoridades locais declaram que a esmagadora maioria rejeita a união com a Geórgia.

2008 – Abril :A Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) declara admitir a possibilidade de incluir a Geórgia como membro da aliança militar. A Rússia, que não aceita a influência da Otan na região, se irrita e reforça laços com a Ossétia do Sul.

Julho: Governo russo admite a invasão do espaço aéreo georgiano, na região da Ossétia do Sul

Agosto: Geórgia ataca a Ossétia do Sul, buscando reunificar a região e Rússia responde ao ataque. Segundo Vladmir Putin, premiê russo, “a guerra já começou”.

FONTE: BBC / WIKIPEDIA/ FOLHA DE S. PAULO

 

Se alguém tem interesse em ler o outro lado da história, acompanhe as notícias nesse jornal Russo online http://www.russiatoday.com/en .

Não entre na massificacão. Filtre. Se informe. Seja imparcial e não se deixe impressionar por reportagens, pois quem as escreve sabe como dramatizar e precisa disso pra vender.

Ah! E fiquem tranquilos, pois esse cenário não está me cheirando a guerra. Vocês não assistem filmes de guerras? Então. Sempre tem uma mulher bonita que é o estopim da guerra, mas nesse caso só tem um bando de homens feios e a Angela Merkel que ninguém vai querer pegar… ((((-: Ufa, hein!?

[pinit count="vertical"]

7 Comentários para "Conflito no Cáucaso – Visão Russa"

  1. Andressa Penha disse:

    Tudo o que vc escreveu é o que eu venho dizendo, mas…. o que pensam é: ” Tadinha da Georgia, um país tão pequeno, tão indefeso..” u.ú
    Hollywood fez um belo trabalho. ¬¬

  2. Juana disse:

    só confirmando o que escreves amiga, também fico indignada com tudo isto, conheço a Georgia, passei umas férias inesquecíveis lá, vi quan hostis são com os russos, até com os extrangeiros, a beleza do Caucaso se confunde com a ignorancia do povo…
    Beijos

  3. Flavio disse:

    Ambas tem interesses politicos e economicos, é dificil apontar um culpado,

  4. Maira disse:

    Pois é Flavio, concordo com você. De verdade. Mas a minha intencao aqui nao é defender a Rússia, pois sei o perigo que ela representa, mas sim criticar a forma como a mídia publica as coisas. Nessa situacao, nao há dúvidas, foi a Geórgia que armou o barraco. Mas agora, pelo menos aqui na Europa, a mídia comeca a se mostrar consciente de que ambos sao perigosos. Como se isso fosse uma boa notícia. (((-:

  5. Anônimo disse:

    muito bom isso

  6. bia disse:

    concordo com tudo, as pessoas não veem o que acontece de verdade, elas acreditam em algo que é completamente maquiado!

Deixe seu Comentário





* Campos de preenchimento obrigatório